13/04/18 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

Embrapa e Embrapii começam a definir novas estratégias de parceria

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Kátia Marsicano

Kátia Marsicano -

Investir no mercado de inovação, transformar em recursos financeiros o conhecimento acumulado pela pesquisa, abrir novas frentes de possibilidades de desenvolvimento e ampliar a representação do setor agropecuário,  fortalecendo a aproximação com o setor privado. Estes foram os principais pontos da pauta destinada a consolidar a parceria entre a Embrapa e a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial, a Embrapii, em reunião realizada na manhã do dia 12, na sede da Embrapa, em Brasília. Representantes das duas instituições traçaram o esboço do que pode vir a se tornar uma nova fase de investimentos e expansão dos resultados da pesquisa agropecuária. O prazo para que sejam definidos os próximos passos da parceria é de um mês, quando as duas diretorias voltam a se reunir para apresentar a primeira proposta de trabalho conjunto.

Atualmente, a Embrapa tem parcerias com empresas multinacionais e nacionais do agro setor, além de projetos  em curso, mas, segundo o presidente da Empresa, Maurício Lopes, o conceito Embrapii  de certificação e definição de metas  vai  impulsionar significativamente os resultados da pesquisa. A expectativa é de que parte da programação da Embrapa poderá se beneficiar com o acordo para ajudar na aproximação com o setor produtivo, inclusive com perspectivas para o mercado internacional.

Durante o próximo mês, estão previstas avaliações preliminares internas para caracterização de Unidades Descentralizadas (UDs) e identificação das  áreas de pesquisa, sob o acompanhamento das diretorias de Pesquisa e Desenvolvimento, Inovação e Negócios e da Secretaria de Inteligência Estratégica (Sire), da  Embrapa. O diretor de Inovação, Cleber Soares,  foi indicado como o ponto focal para o estudo.

O presidente da Embrapii, Jorge Almeida Guimarães, disse que, a partir do potencial e das pespectivas identificadas,  existem vários modelos de parceria com empresas e a Embrapa poderá indicar o que melhor se adequa ao que pretende buscar junto  ao setor privado, com possibilidades de associação inclusive com startups.  A iniciativa vai reforçar a representatividade do setor agropecuário no sistema Embrapii. Um exemplo de parceria já em andamento é a Embrapa Agroenergia (Brasília-DF), que em 2016  foi credenciada pela Embrapii, com o objetivo de realizar pesquisas com a iniciativa privada na área de bioquímica de renováveis utilizando microrganismos e enzimas.

Segundo o presidente da Embrapa, Maurício Lopes, dentro do universo de atuação das UDs  e suas linhas de pesquisa, são inúmeras as vertentes que podem abrir oportunidades de negócios com o setor privado, por meio da parceria com a Embrapii.  Entre elas, alguns dos principais focos estariam direcionados aos fertilizantes alternativos (como pó de rocha e organominerais) e aos bioinsumos, que, por sua vez, estão alinhados ao conceito da bioeconomia, da sustentabilidade e das metas de descarbonização da agricultura.

Conexão com a inovação - A Embrapii é uma organização que mantém contrato de gestão com o Ministério da Ciência Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e Ministério da Educação (MEC) e atua por meio da cooperação com instituições de pesquisa científica e tecnológica, públicas ou privadas, tendo como foco as demandas empresariais e como alvo o compartilhamento de risco na fase pré-competitiva da inovação. A instituição pode investir até 1/3 das despesas das Unidades com projetos de pesquisa, desenvolvimento & inovação (recursos não-reembolsáveis), enquanto o restante é dividido entre a empresa parceira e a Unidade. Ao compartilhar riscos de projetos com as entidades (por meio da divisão dos custos do projeto), estimula-se o setor industrial a inovar mais e com maior intensidade tecnológica para, assim, potencializar a força competitiva das empresas no mercado interno e internacional.

Kátia Marsicano (MTb DF 3645)
Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas (Sire)

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

parceria internacionalembrapiisetor privado45anos