Desenvolvimento de cultivares de melão para os mercados interno e externo - Fase V

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: CARVALHO, Henrique Martins Gianvecchio

Nas últimas duas décadas, o agronegócio do melão expandiu nove vezes, alcançando aproximadamente 500 mil t/ano, concentradas na região Nordeste. Na safra 2015/16, o Brasil produziu 521.596 toneladas de melão, sendo que 42,9% da produção foi exportada (IBGE, 2016). A maioria das cultivares de melão é importada, logo, existe uma demanda por cultivares melhor adaptadas às condições brasileiras e com frutos de melhor qualidade, que atendem às reais necessidades dos produtores quanto à produtividade e à resistência às principais doenças e pragas da cultura. A Fase V do projeto objetiva desenvolver cultivares de melão, adaptadas às regiões Nordeste e Centro-Oeste do Brasil, que agreguem produtividade elevada, frutos de melhor qualidade organoléptica e com compostos bioativos e altos níveis de tolerância a pragas. Dando continuidade ao programa de melhoramento genético, o projeto visa o desenvolvimento de cultivares de melão dos tipos Amarelo, Gália, Cantaloupe e Pele de Sapo. Acessos e genótipos experimentais continuarão a ser caracterizados para a resistência aos fungos D. bryoniae, P. xanthii e Fusarium solani f. sp. cucurbitae; aos vírus PRSVw, WMV2, ZYMV e MYaV e ao inseto Liriomyza spp. Também será alvo desse projeto o screening para teores de carotenoides, ácido ascórbico, fenólicos totais, flavonoides totais e capacidade antioxidante. Os métodos de melhoramento tradicionais serão empregados para o melhoramento de populações e obtenção de linhagens capazes de gerar híbridos com alta produtividade, qualidade de frutos e resistentes às pragas e doenças. Os resultados esperados são: (1) 4 novas cultivares, uma cultivar do tipo “Pele de Sapo”, uma do tipo “Cantaloupe”, uma do tipo “Amarelo” e uma do tipo “Gália”; (2) metodologia para avaliação de melão ao estresse salino; e (3) marcadores moleculares ligados a genes de resistência a P. xanthii.

Situação: concluído Data de Início: 07/2017 Data de Finalização: 06/2021

Unidade Lider: Embrapa Hortaliças

Líder de projeto: Alexandre Augusto de Morais

Contato: alexandre.morais@embrapa.br

Galeria de imagens