Mapeamento da distribuição espacial de plantas daninhas por meio de sensoriamento remoto

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: WorldView-2, Embrapa Monitoramento por Satélite

O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de fotografias aéreas não convencionais para mapear a distribuição e o nível de infestação por plantas daninhas, para fins de manejo localizado. As fotografias aéreas, obtidas a uma altitude de vôo média de 300 metros, possibilitaram a confecção de um mosaico aerofotogramétrico, o qual foi posteriormente georreferenciado e classificado, gerando um mapa de distribuição e de níveis de infestação por plantas daninhas. O mapa gerado foi comparado aos dados de referência, coletados na área segundo uma grade amostral regular de 50x50 metros. Os resultados parciais e a possibilidade de aperfeiçoamento da metodologia empregada sugerem que fotografias aéreas não convencionais podem constituir boa base de dados para a geração de mapas de distribuição espacial e de níveis de infestação por plantas daninhas.

Onde Encontrar:
Embrapa Cerrados

Metodologia: Metodologia técnico-científica Ano de Lançamento: 2005

País: Brasil Região: Centro-Oeste, Nordeste, Norte, Sudeste Estado: Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia, Maranhão, Piauí, Pará, Tocantins, Minas Gerais Bioma: Cerrado

Unidade Responsável: Embrapa Cerrados

Unidades Participantes: Embrapa Cerrados

Galeria de imagens